Portal de cinema

 
Filmes iniciados por:
# A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z
 
::.. CONTATOS DE 4º GRAU ..::
::.. Sinopse ..::
Em uma cidade do Alasca, um grande número de sumiços foi registrado durante os últimos 40 anos. Alguns afirmam que as autoridades encobrem os casos e que os sumiços seriam consequencias de possíveis abduções.
::.. Ficha Técnica ..::
Título Original: The Fourth Kind.
Origem:
Estados Unidos, 2009.
Direção:
Olatunde Osunsanmi.
Roteiro:
Olatunde Osunsanmi, baseado em história de Terry Robbins.
Produção:
Paul Brooks, Joe Carnahan e Terry Robbins.
Fotografia:
Lorenzo Senatore.
Edição:
Paul Covington.
Música:
Atli Orvasson.
::.. Elenco ..::
Milla Jovovich, Will Patton, Hakeem Kae-Kazim, Corey Johnson, Enzo Cilenti, Elias Koteas, Eric Loren, Mia McKenna-Bruce, Raphaël Coleman, Daphne Alexander, Alisha Seaton, Tyne Rafaeli, Pavel Stefanov, Kiera McMaster, Sarah Houghton, Julian Vergov, Yoan Karamfilov e Olatunde Osunsanmi.
::.. Site Oficial ..::
http://www.thefourthkind.net/
::.. Premiações ..::
-
::.. Saiba mais ..::
O filme Contatos de 4º Grau arrecadou R$ 45 milhões nas bilheterias.
::.. Trailer ..::
::.. Crítica ..::

Subverter a realidade. Como você já deve ter percebido, nos últimos anos o número de produções que apostaram no formato documental misturado a ficção cresceu consideravelmente. Uma das razões responsável por boa parte destes fenômenos é mais a popularização do vídeo digital entre os espectadores.

Essa popularização permitiu não só que as imagens tremidas e de pouca qualidade passassem a ser uma linguagem aceita nas grandes produções como também ganharam maior simpatia por parte do público, graças a proximidade com que dialogam com ele e a verossimilhança que proporcionam.

Assim como A Bruxa de Blair, Cloverfield - Monstro e o recente sucesso Atividade Paranormal, Contatos de 4º Grau aposta na mesma linha de raciocínio, mas mescla os estilos documental e ficcional, dando a entender que o seu filme, na verdade, é uma versão dramatizada de ventos reais que teriam ocorrido entre 2000 e 2003 na desconhecida cidade de Nome, no Alasca.

A premissa do filme é que durante esse período uma série de ventos estranhos e similares teriam ocorrido na cidade e diversas pessoas teriam sido vítimas de abdução alienígena. O fio condutor da trama é a Drª. Abbey Tyler (Milla Jovovich), uma vez que todas as vítimas são seus pacientes e parecem descrever as mesmas visões e sensações.

Embora siga a mesma linha das produções citadas acima, em Contatos de 4º Grau o diretor Olatunde Osunsanmi faz uma aposta diferenciada. Logo no início do filme, Milla Jovovich (Resident Evil - O Hóspede Maldito) surge na tela e explica que ela é apenas uma atriz dramatizando os fatos supostamente acontecidos e fartamente documentados em imagens à época dos acontecimentos. Com isso, o diretor desvia, de certa forma, a atenção do filme para as imagens captadas de maneira amadora, uma vez que nos contrapõe claramente o que é real e o que é ficcional.

Essa dualidade fica clara logo adiante quando uma tela dividida em duas coloca lado a lado a Abbey Tyler "real" e a versão interpretada por Milla Jovovich. O que, em tese, poderia funcionar e servir para dar mais credibilidade à trama porém, desmorona com muita facilidade. Suas opções estéticas de, em alguns pontos, dividir o quadro em até quatro partes dão a falas sensação de dinamismo quando, em verdade, nada de mais está acontecendo em cena.

Com raros momentos de clímax criados pela narrativa a saída encontrada e trabalhar com uma trilha sonora contínua, com altos e baixos para criar uma clima de intriga e tensão. Seria algo normal e corriqueiro se fosse utilizado com moderação ao longo do filme. Porém, em Contatos de 4º Grau a música é incessante, do primeiro ao último minuto. Seu excesso acaba gerando um efeito contrário. Ao invés de ela pontuar os momentos de clímax, torna-se parte da "ambientação", perdendo completamente o seu efeito.

Suas supostas imagens documentais, embora convincentes, esbarram em alguns outros problemas. Sozinhas elas não são suficientes para criar uma história convincente. Da mesma forma, se a história fosse apenas dramatizada, diante do apresentado dificilmente a trama se sustentaria sem cair no descrédito.

Obviamente não vou revelar o final da produção aqui, mas o fator principal que coloca em cheque a premissa do filme é uma prova documental de um crime que, claramente, deveria ser do conhecimento de todos os envolvidos já no início do filme. Seu surgimento no apenas no final da a clara impressão de um enxerto, de um truque simples encontrado para omitir do espectador uma informação que, obviamente, em momento algum ele poderia concluir. Em outras palavras, um pequeno "jogo sujo".

Se por um lado o diretor tenta se mostrar isento, eximindo-se ao menos textualmente de qualquer conclusão quanto às causas e consequências da história, o mesmo não se pode dizer do que ele apresenta já que, questionando seu principal personagem com uma informação óbvia (omitida propositalmente durante o filme) ele destrói tudo aquilo que porventura tenha conseguido construir.

Ao assistir ao filme, pense na seguinte situação: qual seria a sua reação às alegações do personagem principal se, logo no início da história, a evidência que só é revelada no final (propositalmente, pois a história da a entender que ela perfeitamente poderia já ser do conhecimento de todos) fosse um dos fatos apresentados?

Omitir fatos para que o espectador construa em quebra-cabeças durante a trama é uma coisa. Porém, omitir uma prova sem dar nenhuma evidência sobre ela e, ainda por cima, fazer com que ela tenha papel determinante na conclusão é outra completamente diferente. Um golpe baixo para que a estrutura da história funcione e, assim, possa proporcionar alguma tensão.

Embora interessante em sua premissa, Contatos de 4º Grau se perde na indecisão e na confusão de tentar tornar verdadeiro o que obviamente não é. E, por outro lado, da mesma forma perde a oportunidade de contar uma obra ficcional com suporte de imagens documentais. Na tentativa de ser eficiente nas duas pontas a produção, infelizmente, apresenta um resultado final mediano e decepcionante.

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Wikerson Landim - wikerson@portaldecinema.com.br
::.. Confira também ..::
o extreminador do futuro
O Exterminador do Futuro [DVD]
o extreminador do futuro 2
O Exterminador do Futuro 2
[DVD]
balde runner
Blade Runner
[DVD]

contatos imediatos do 3 grau
Contatos Imediatos do 3º Grau [DVD]
::.. Comentários ..::

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Descordo totalmente desses comentários sobre o filme.Eu, na condição e expectadora e não de especialista sobre o assunto, digo à quem ainda vai assistir ao filme: Esqueçam todos os filmes de suspense que vocês já viram! E assistam Contatos de 4° grau.Eu fiquei em choque após compartilhar dessa história contada pelo filme. O mesmo apresenta diversas imagens aterrorizantes e realmente passa a mensagem que deve ser mostrada aos expectadores. Será que existe vida inteligente fora desse planeta?È mesmo possível que ocorram abduções e não nos damos conta disso?Esse filme mexe com a crença das pessoas e também com sua imaginação. è impressionante. vejam, recomendo.
Alessandra Pinheiro

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Não gosto de documentarios.Porem já havia lido sobre mitologia-sumeria, e sobre os anunnaki, e tudo que dizem sobre...e a parte em que ele fala em uma lingua morta há mais de 6000a.c. "eu sou deus", é bem chocante...e para quem já sabe sobre esse assunto, o filme é interessante...se voce é leigo, vai se perder totalmente na historia, e pode se tornar até ridicula...Busquem sobre, antes de ver.
Hannah

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

O Filme é Fantástico! Você termina o filme tendo certeza de que abduções existem. Até porque as mesmas são comprovadas por videos reais retirados da polícia dos EUA.
Sergio

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Também descordo da crítica. Não se pode dizer que o filme se trata de uma tentativa de subverter a realidade, como se as cenas gravadas como reais fossem uma grande mentira e que visam dar um ar de documentário que fora dramatizado. Me desculpe o crítico, mas o que li é ridículo. Acho que seria muito o diretor do filme inventar o número de visitas do FBI à cidade para investigar tais acontecimentos.
Paulo Sales

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Dispensa comentários o filme, eu vi e fiquuei chocado tb com o filme... como a laessandra disse, mexeu com a crença de algumas pessoas. Eu como seguidor do Darwinismo, creio sim em vidas inteligentes fora de nosso planeta. O pq não? claro q existe sim, será q esse Deus foi tão generoso com a gente ao ponto de deixar esses milhoes e milhoes de m² só pra gente?? impossivel todos nós sabemos disso, mais tem ainda que nao quer acreditar.O filme passa uma narrativa completamente diferentes de O Quinto Elemento, Independence Day (esses só mostram a glória dos americanos) show de bola o filme, quero até ver novamente, das pessoas q contei mai ou menos do filme viu e ficaram chocados tb... vale a pena ver, ahhhhhhh e tome um calmante pra dormir a noite 3:30am chegará!!!!!.
Ricardo

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

O filem realmente impressiona, meche com nossos conceitos, nossas crenças. Fiquei desorientada durante e após o filme terminar, achei superinteressante, ele nao implora pra que vc acredite que foi real ou nao, simplemente conta o que aconteceu e lhe deixa a duvida na cabeça... Particularmente nao duvido.Recomendo a todos, porém uma observação, não assistam sozinhos.
Ana Katia Costa

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

O filme é convincente , bastante dinâmico e impressiona o espectador , devido ao uso do termo Reality Show , o Bomm deste século.
Anderson Melo de Lima

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Descordo integralmente das críticas negativas ao filme.começo por afirmar que pouco influiria o fato de sabermos "a verdade" sobre a informação que é omitida (não vou revelar aqui para não estragar o filme); isso porque pouco importaria o fato ter sido revelado no inicio, ou no final.digo mais, se fosse tal fato revelado logo no início, o filme ficaria ainda mais intrigante e mais lógico. diga-se, ainda, que isso traria até mais confiabilidade ao filme, posto que o próprio diretor questionou isso à Dra. Tyler.sinceramente... acho que o filme, realmente, pode ser mentira. Mas.. não duvido que seja verdade! Além do mais é bem provável que alienígenas tenham realmente visitado nosso planeta. ou, que sabe, nós mesmos, mas vindo do futuro.... duvidam? então leiam a bíblia, isso mesmo a Bíblia e confiram.... Ezequiel, cap. 1. no final, é vc quem decide!!.
Anderson Melo de Lima

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Concordo em algumas coisas, axo q ele devia falar um pouco da atuaçao da atriz principal, naum sei se o diretor quis da uma diferenciada dos fatos reais, mas eu azei q deixou um pouco a desejar no começo do filme mas ela foi melhorando ao decorrer do filme. Ele naum falo se os fatos reais sao reais mesmos e se o q o filme conta e realmente verdade. O filme mexeu comigo x'.
Iago

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Um filme no mínimo cabreiro! as cenas documentais do filme são de causar arrepio. Não sei se são verdadeiras, mas são convincentes. No geral, melhor que atividade paranormal.
Alexandre de Alencar

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Concordo com numero genero e 4° grau com a critica feita ...seria um otimo filme nas mãos de um outro diretor de3° grau !!!'.
Vitor

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Meu comentario e que o filme e muito bon inpresionante se algumas cenas se for de pura realidade pode se concluir que algo fora do comun acontesceu nessa cidade con certeza.
Felix

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Muito convincente e até pensei que fosse real.As imagens amadoras dão a idéia de que o filme é realmente verdadeiro. foi até preocupante.
Max

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

O filme é realmente incrével, tem uma originalidade que ninguem jamais vai conseguir tirar.a história, os vídeos, o elenco é realmente espetacular.desperta um interesse maior nas pessoas, e uma dúvida também.amei!!
Laura Fabyana

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

A nota solicitada, dei para o filme, porém, gostaria de comentar a crítica feita por Wikerson Landim. Ele conseguiu colocar em palavras exatamente as percepcões que tive sobre o filme, mas não conseguia traduzir condizentemente. Parabéns Landim pelos comentários precisos! Acrescentaria apenas que, com a omissão do fato que comentou em sua crítica, o Diretor me passou a impressão de intencionar impedir a suposição adiantada por parte do expectador, sobre um possível estado de loucura, ou qualquer outro desequilíbrio mental da protagonista.Seja como for, gostei mais da sua crítica do que do filme.Para mim, aos poucos a proposta foi se tornando insustentável, apesar de possível, afinal, também não posso provar o contrário. A quem acusa cabe o ônus da prova...
Leonardo Foggia
::.. O que você achou deste filme? Comente! ..::
Nome:  
Sua nota:
Comentário: